Guest post: o que é e como fazer

Gabriel Motta
Gabriel Motta - 13 de outubro de 2015

Quem mantém um blog sabe da luta diária para gerar tráfego, expandir sua audiência e conseguir valiosos backlinks para se posicionar bem nos motores de busca. E uma boa ideia para conseguir melhores resultados é apostar em uma prática característica do Inbound Marketing: o Guest Post. Você sabe o que é isso e como usá-lo para aprimorar sua presença online? Confira!

O que é um Guest Post?

É a prática de escrever e publicar artigos em sites ou blogs de outras pessoas e empresas. O dono da página cede um espaço para que convidados possam promover um conteúdo de qualidade para sua audiência. O autor convidado, por sua vez, pode incluir no texto links que redirecionem para o seu próprio blog.

O que caracteriza um Guest Post?

A princípio, o autor convidado precisa seguir algumas orientações, como manter o padrão de comunicação do blog, escrever sobre temas relacionados, certificar-se de estar realmente oferecendo um conteúdo que será benéfico aos leitores e, claro, identificar-se no começo ou no final do texto.

Fazer um guest post não é escrever sobre si mesmo ou promover o seu próprio produto ou serviço. Você pode até citá-los como exemplo para ilustrar um ponto levantado, mas sem fazer propaganda! Isso pode prejudicar a sua imagem e do blog que hospedou sua postagem.

Quais as principais vantagens?

Impulsiona sua audiência

O guest post é uma troca e as duas partes podem se beneficiar. Dependendo da reputação do blog e do autor convidado, essa sinergia pode gerar grandes resultados em termos de audiência para ambos.

Por exemplo, sua empresa vende produtos ligados ao futebol (camisas, chuteiras etc.) e mantém um blog com um bom número de acessos diários. Você entra em contato com um blogueiro que escreve sobre futebol e tem grande audiência no site e nas redes sociais. Ao publicar um conteúdo cativante ao público daquele blogueiro, vai qualificar e aumentar a audiência dos dois blogs — e a vantagem será um pouco maior para você, pois estará atingindo um grupo de leitores (e até potenciais clientes) que não faziam parte do seu tráfego comum.

Expande sua rede de contatos

Você ou sua empresa podem começar a formar grupos de contatos valiosos para manter uma regularidade de guest posts. Além disso, os artigos podem ser compartilhados em redes sociais, aumentando a penetração da sua marca nessas plataformas.

Gera mais influência no mercado

Ao se posicionar como autoridade no assunto para outras pessoas, você aumenta sua influência no segmento e pode até receber outras propostas para criar guest posts em mais blogs — além de virar uma referência diante do público.

Quais as melhores práticas?

Pesquise por blogs relevantes no mercado

Faça uma pesquisa no Google com as palavras-chave que serão trabalhadas, analise a audiência do blog, os comentários, a quantidade de compartilhamentos e veja quantos seguidores ele tem nas redes sociais.

Fale para quem é realmente importante

Além de se informar sobre os números de audiência, entre em contato com quem gerencia o blog e peça algumas informações sobre as características dos leitores (a maior parte dos comentários é feita por mulheres? A maioria dos assinantes do feed é composta por professores?). Trazer as pessoas certas para o seu site é primordial!

Inclua links internos

Fazer linkagem interna para o blog hospedeiro demonstra que você conhece o ambiente e oferece uma naturalidade maior para o seu post.

Ceda o seu próprio blog

Ofereça espaço em seu site para que outras pessoas escrevam e publiquem conteúdos relevantes para o seu público também. Não deixa de ser uma boa maneira de economizar tempo com a escrita de um artigo e manter seu blog atualizado!

O guest post não é uma prática complexa e você só precisa encontrar bons blogs para publicar seu conteúdo e deixar uma impressão positiva. Assim, além dos links trazidos do post, a chance de conseguir backlinks qualificados para o seu blog é ainda maior, o que otimiza seu ranqueamento nos motores de busca.

Já fez um guest post ou recebeu um no blog da sua empresa? Ainda tem dúvidas? Deixe o seu comentário e conte para nós!

Gostou do texto?

Não perca o nosso próximo artigo! Inscreva-se em nossa newsletter.

Obrigado por se inscrever!