Como gerar mais tráfego para o seu site

Ingage
Ingage - 10 de outubro de 2019

Nos dias de hoje, sabemos que é muito importante contar com o marketing digital, para os mais diferentes tipos de negócio. 

Mas uma dúvida comum que acaba atingindo diversas pessoas, tem relação com o tráfego do site, como funciona, quais as melhores estratégias, como fazê-lo girar, entre outros. E nesse artigo, queremos te ajudar a sanar tantas dúvidas.

Conheça os tipos de tráfegos

Para começar neste assunto, é importante que as diferenças sejam explicadas. Dentro do marketing digital existem dois tipos de tráfego, o orgânico e o pago.

Trabalhando organicamente

O tráfego orgânico são os acessos realizados a partir de pesquisas nos buscadores, ou seja, o usuário vai até o Google, por exemplo, e pesquisa aquilo que lhe é de interesse. 

Mas é importante pensar em estratégias para que, de fato, os acessos aconteçam. A começar pela definição das palavras-chave, já que o tráfego orgânico depende muito delas.

E dois outros pontos importantes, são os conteúdos de qualidade, os quais precisam ser pensados em ajudar o público, sanar dúvidas, etc. e o investimento em SEO. Essas técnicas são ótimas para potencialização do alcance. 

Vamos de exemplos. Imagine que você tem uma empresa que faz a distribuição de máquinas, que podem ser máquina de solda e máquina de corte a laser, por exemplo.

Cada uma realiza uma função diferente, mas o seu consumidor pode não saber ao certo sobre essas diferenças, quando você explica e mostra a usabilidade de cada uma, torna-se mais fácil atraí-lo e conquistá-lo.

E isso é muito importante para que o tráfego orgânico consiga ser eficiente e trazer os rsultados que a sua empresa precisa.

Trabalhando com pagamentos

O tráfego pago é o famoso anúncio. Quando se entra em um buscador e, a primeira opção que aparece, tem uma informação dizendo que trata-se de um conteúdo ou link patrocinado.

Algumas ferramentas são úteis para ajudar nesse processo, como Google AdWords. Porém, é preciso que as coisas sejam feitas de maneira certa para que no fim, possam dar certo. 

Em primeiro lugar, você precisa fazer a definição de qual é o ambiente em que se quer atrair os clientes, se é em rede social, através de site, via buscadores, entre outros. 

Anunciar o seu negócio em qualquer lugar, não trará os resultados desejados. Se a sua empresa presta serviços para estação de tratamento de água e, o público que busca por isso vai aos buscadores e não às redes sociais, onde mais vale a pena anunciar?

A resposta é clara. Portanto, todo tipo de estudo e análise são essenciais para que o anúncio feito possa gerar os melhores desfechos.

Com a mídia paga, é necessário ter os objetivos de sempre alinhados. Se você quer mais tráfego para o seu site, mais vendas, mais leads ou mais clientes fiéis. 

As diferenças entre as mídias

E o que diferencia uma opção da outra são alguns pontos. Com o tráfego pago, é possível direcionar o público, de modo que as idades, o gênero, as localidades possam ser definidas. 

Já com a mídia orgânica, é possível usar e abusar dele, criando os mais diferentes conteúdos, quantas vezes desejar e de forma totalmente gratuita. 

Portanto, se você já tem um site mas ainda não pensa a respeito do tráfego para popularizar o seu negócio, seja esse trabalho pago ou não, já passou da hora de contar com as estratégias certas. 

Esse artigo foi escrito por Fernanda Silva, Criadora de Conteúdo do Soluções Industriais.

Gostou do texto?

Não perca o nosso próximo artigo! Inscreva-se em nossa newsletter.

Obrigado por se inscrever!